2010 - Auditoria mexicana por Centro de Investigación y Docencia Económicas

O estudo "Métrica de Transparencia 2010", realizado por el Centro de Investigación y Docencia Económicas (CIDE), apresenta os resultados de uma análise de transparência ativa e passiva realizada a mais de 500 entidades públicas mexicanas. O estudo foi feito entre novembro de 2009 e julho de 2010, e incluiu a avaliação de 592 páginas na web e o envio de 1810 pedidos de informação sob a forma de usuários simulados.
Tema: 
Número de agências auditadas: 
592
Nível de cumprimento: 
77.93%
País: 
México
Região: 
América Latina e Caribe
Número de pedidos: 
1810
Tipo de Auditoria: 
Ativa e Passiva
Autores: 
Centro de Investigación y Docencia Económicas (CIDE)
Ano em que a lei de transparência pública entrou em vigor: 
2002
Ano da auditoria: 
2010
Metodologia: 

Para a avaliação de transparência passiva foi utilizada a metodologia do usuário simulado, através da qual foram enviados 1810 pedidos de informação. Foram recolhidas informações detalhadas dos mecanismos de acesso e gestão dos pedidos até a obtenção das respostas, e foram medidos os tempos de resposta. Para cada avaliação de transparência ativa, foram utilizadas 13 variáveis para medir o cumprimento com a publicação de informação comum a todos os estados e 6 variáveis destinadas a medir a qualidade tecnológicas dos portais (acessibilidade).

Condições experimentais: 

Não informado.

Número de respostas: 
1524
Meio de envio do pedido de acesso à informação: 
Página web
E-mail
Presencial
Carta
Recursos: 
Sim
Number Of Agencies Audited (Passive): 
592
Tipo de autor: 
Universidade
Auditoria criada pela FGV: 
No
Número de pedidos: 

Não informado.